top of page

Tema de alerta da OMS em 2022, saúde mental é foco da atuação de psicólogos na Soul Bilíngue

Só no segundo semestre de 2022, foram mais de 390 encontros entre voluntários e jovens da ONG



Jovens da Soul Bilíngue em encontro no Pq. Ibirapuera (SP); acompanhamento emocional existe desde a fundação da ONG, em 2018

A rede de psicólogos voluntários da Soul Bilíngue reuniu-se mais de 390 vezes com estudantes das turmas do segundo semestre de 2022. O acesso à psicologia com foco na saúde mental dos jovens é um dos pilares da ONG. Em junho do ano passado a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou o “Relatório Mundial de Saúde Mental: Transformando a saúde mental para todos”, em que destacou as necessidades de reforçar a atenção ao tema “mudando os lugares, modalidades e pessoas que oferecem e recebem os serviços” e de reorganizar os entornos que influenciam a saúde mental, incluindo “escolas, locais de trabalho e lares”, entre outros.


Presente desde o nascimento da organização social, em 2018, o acolhimento emocional tem papel fundamental no programa. Ele é praticado por uma rede de mais de 40 counselors voluntários (profissionais formados ou estudantes do último ano de graduação), sob a coordenação de Bruna Santos dos Santos.


“A psicologia é a ciência e a profissão que acolhe e garante lugar de fala às minorias representativas", afirma Bruna Santos, coordenadora de counselors na Soul Bilíngue

No último semestre, o grupo promoveu 205 atendimentos individuais de psicoterapia e 187 encontros coletivos abordando os temas “O Papel do Psicólogo”, “Empoderamento e Representatividade: O lugar que eu ocupo no mundo”, “Setembro Amarelo”, campanha mundial de prevenção ao suicídio, “Autoconhecimento e Autovalorização”, "Falhas, frustrações, insegurança e autocobrança", “Apoio Familiar”, “Empatia” e "Perspectivas de futuro e expectativas/sentimentos sobre o processo na Soul Bilíngue”. Todos são online.


“A escuta qualificada promovida nesses encontros é muito importante para acolher alunos com qualquer dificuldade no campo da saúde emocional. Essa atuação vem se tornando cada vez mais legítima e necessária, tanto que alguns alunos chegam ao programa principalmente por saber que aqui eles terão acompanhamento psicológico do início ao final do semestre”, afirma Bruna.


Bruna Santos lidera grupo de mais de 40 voluntários

Importância

O relatório da OMS destaca a importância de diversificar e ampliar as opções de atenção aos transtornos mentais mais comuns, como depressão e ansiedade, incluindo a adoção de um método de distribuição de tarefas por profissionais de saúde e provedores comunitários, bem como adotando o uso de tecnologias digitais para apoiar a autoajuda, guiada e não guiada, por meio do atendimento remoto.


Dados da mesma organização, baseados em pesquisa da Universidade Estadual de Ohio (EUA), apontam que o Brasil é o país mais ansioso do mundo e um dos líderes em casos de depressão. As razões são muitas e abrangem o abismo social brasileiro.


“A psicologia é a ciência e a profissão que acolhe e garante lugar de fala também às pessoas que fazem parte de minorias representativas, como é o caso dos nossos alunos - comumente silenciados em diversos espaços da sociedade. Aqui também é realizado um trabalho de psicoeducação em que o jovem adquire conhecimentos importantes sobre como ele mesmo pode contribuir para a melhoria da sua própria saúde mental ou das pessoas que o cercam”, contextualiza Bruna.


Incentive

Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nº 3 da Organização das Nações Unidas, a Saúde e o Bem-Estar englobam o impacto que a Soul Bilíngue promove aos jovens do Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil.


Você pode fazer parte disso doando qualquer valor à organização social ou tornando-se um doador recorrente, por meio do link www.soulbilingue.com/doe.

36 visualizações1 comentário
bottom of page