"Que eu possa ajudar nosso País com a educação e liberdade de pensamento que vi no Canadá"

Gabi Lara e a experiência de intercâmbio no Canadá com Soul Bilíngue, LCI Education e LAB Vancouver

Por Gabi Lara*


Deixa eu te falar uma coisa sobre sonhos. O meu acredito que começou um tempo atrás com um detalhe que parece bobo. Coloquei uma folha ao lado do meu nome no Instagram, que por acaso seria da árvore que representa o Canadá (naquela época eu não sabia). Me lembrei disso enquanto ainda estava lá e me emocionei, pois acredito que nosso destino nos é mostrado em coisas simples. Neste tempo nem havia me passado pela cabeça que um dia conheceria este lugar.


E quando cheguei em Vancouver, no Canadá, foi que começaram meus desafios. Lá estava eu com um print do mapa para a minha casa - que levaria duas horas para chegar. Peguei o metrô que lá é chamado "skytrain" pois seus trilhos são nas alturas e já me surpreendi com a natureza tão detalhadamente linda e colorida, com tanta diversidade e cultura de línguas. Eu não estava ali para aprender apenas o inglês, mas me mover em meio a diversidade cultural. Vaguei por uns 40 minutos na chuva antes de chegar em casa com a ajuda de um morador local com quem tive minha primeira conversa de verdade em inglês. Falamos sobre os países que ele havia visitado e de onde eu vinha, para qual escola estava indo. São tantos e tão emocionantes os primeiros fatos que mesmo estando em outro País não me senti desconfortável por estar perdida. Eu estava apaixonada.


Coisas simples me marcaram muito como quando ajudei um morador de rua e expliquei como pegar a zona do metrô que ele queria e que dois dias atrás era minha grande dificuldade de entender, quando participei do halloween na escola e chegando em casa as crianças vieram bater na porta pedindo doces (trick or treating) hahah. Fiz amizades de tantos diferentes países que quando vi estávamos misturando três línguas, coreanos, mexicanos, japoneses.


Nós últimos dias os sentimentos ficaram maiores: tinha a saudade da família, imaginava o quanto eles gostariam de estar lá também, o anseio por viver mais daquilo, a vontade de concretizar meus novos planos no Brasil, de começar a construir um futuro ao lado de quem eu amo e querer dividir tudo o que vivi.


Hoje é o meu segundo dia aqui no Brasil e estou levando como mais uma viagem, espero que eu possa ajudar nosso País com aquela educação e liberdade de pensamento que vi lá e que preservemos nosso amor e simpatia que todos também admiram, vejo ainda mais como somos carentes de educação e empatia, o contrário desse lugar incrível que é Vancouver.


Quero trazer além das folhinhas que guardei no meu caderno. Trazer e fazer o que a Soul fez por mim, por que sei que se eu consegui, você consegue. Não viajei por que sou melhor ou sei mais, na verdade muitos na mesma disputa tinham muito mais conhecimento, mas tem algo que foi muito enfatizado nesses meses de preparatório na Soul Bilíngue: nunca desistir. Faça que pode com fé, dando sua mão para quem tá do lado e nunca passando por cima de ninguém. Se você tem um sonho, ame-o intensamente e tenha compromisso com ele. Ele virá até você.


Gabrielle Lara, 20 anos, ganhou uma bolsa de estudos no Canadá após participar do Preparatório Soul Bilíngue de Intercâmbio do primeiro semestre de 2019.

Empresas que contribuiram na realização desse sonho: 

LCI Education, LAB Vancouver, Beeducation, Air Canadá, Step in Canadá

33 visualizações0 comentário